naming: por que o nome da sua empresa é tão importante?

A influência que um nome pode ter em um negócio é enorme. É o primeiro ponto de referência que clientes, concorrentes e funcionários têm para entender como sua empresa se representa no mundo dos negócios e além, e é parte essencial de sua marca.

De fato, um nome bem escolhido pode tornar uma empresa icônica, enquanto um nome fraco pode limitar o crescimento e impedir que uma empresa seja levada a sério. Deve ser uma fonte de orgulho para você e seus funcionários, e evocar emoção em seus clientes quando eles ouvem ou veem. Ao lado do seu logotipo, é o primeiro ponto de contato entre você e o mundo exterior.

Importância de um nome de empresa

Para ilustrar esse ponto, exploramos exatamente por que o nome de sua empresa exerce a influência que exerce, bem como explicamos como você pode garantir que sua empresa e sua marca sejam bem representadas por ele. Veja por que você precisa dar tanto cuidado e atenção ao apelido da sua empresa:

  1. Ele carrega a reputação do seu negócio

Exceto talvez pelo seu logotipo, nenhum outro componente de negócios significa tanto para uma população tão vasta – com base em tão poucas informações – quanto o nome da sua empresa. Em apenas algumas letras ou palavras, estabelece a identidade da sua organização.

É por isso que nomes simples, curtos e cativantes estão associados a algumas das empresas mais prestigiadas do mundo. Amazon, Google e Intel são nomes que não serão esquecidos pela comunidade empresarial tão cedo, e há uma razão pela qual a Quantum Computer Services mudou seu nome primeiro para America Online e finalmente para AOL.

Se você está em um setor que valoriza o profissionalismo e um nome de autoridade ajuda a conseguir isso, essa pode ser uma escolha confiável. Empresas como escritórios de contabilidade ou escritórios de advocacia podem receber essa influência extra de um nome forte e assertivo que pode dar a autenticidade necessária para atrair clientes mais proeminentes.

  1. A marca começa com um nome

O nome da sua empresa será apresentado em todos os seus produtos e embalagens e será uma pedra de toque para toda a sua estratégia de marca. Portanto, a importância de uma marca forte não pode ser subestimada.

Um bom nome ajudará as pessoas a identificar a qualidade de seus produtos e lembrá-los, enquanto um nome ruim (ou pelo menos inesquecível) será rapidamente esquecido e ignorado.

Construir o impulso do marketing depende de ter uma imagem de sua empresa que um cliente possa entender e interagir.

Criar uma identidade de marca que se sustente começa com um apelido confiável: um que as pessoas possam lembrar e compartilhar com outras, seja por meio das mídias sociais ou pelo boca a boca antiquado.

  1. Um nome ruim pode atrapalhar uma empresa

Muitos donos de empresas não percebem que não apenas o nome certo pode elevar seus negócios e sua marca, mas que um nome mais fraco pode restringir ativamente uma empresa que está buscando se expandir. Nomes que são muito específicos do local, por exemplo, podem limitar o crescimento fazendo com que pareça inacessível para clientes que estão fora da região especificada pelo nome.

É por isso que você precisa avaliar completamente suas metas de longo prazo para o que deseja que sua empresa alcance ao longo de sua vida útil. Se você tem ambições de expansão em larga escala, tente escolher um nome que possa crescer com a empresa.

Também vale a pena mencionar a importância de considerar como um nome se sairá em mercados que podem usar um idioma diferente daquele falado onde você iniciou sua empresa. Um nome que traduz mal, seja em rabiscos ou algo que possa ser ofensivo, impedirá que sua empresa desfrute do sucesso que merece em outros países. Pode ser mais complicado do que você pensa – a palavra em inglês “gift” se traduz em veneno em alemão, por exemplo, que não é um termo ao qual você gostaria de ser associado.

  1. Influencia sua presença online

Vivemos em uma era de mídias sociais superconectadas, e o nome da sua empresa é um componente crucial das campanhas online que aproveitam esse meio. Por exemplo, o nome da sua empresa pode ser usado como uma hashtag e também formará a base para o URL do seu site, portanto, certifique-se de escolher um nome que possa ser facilmente traduzido em uma entidade online. Isso é especialmente importante no mercado atual, pois um nome que pode ser facilmente pesquisado tem maior probabilidade de gerar tráfego repetido e negócios recorrentes.

Todos esses fatores significam que seu nome pode ter que mudar, o que, embora seja algo que deva ser abordado com cautela, não deve ser descartado totalmente. Afinal, ter um nome de empresa fraco e se recusar a reconhecê-lo ou remediar a situação só continua a prejudicar a marca da sua empresa. Para se manter competitivo, você precisa garantir que está encontrando maneiras de revitalizar e melhorar a empresa, mesmo que isso signifique uma alteração significativa, como uma mudança de nome.

  1. Um nome conta uma história

Uma das razões pelas quais os nomes abstratos ainda podem ser eficazes é que eles são o ponto de partida da história da sua empresa. Além disso, nomes abstratos que evocam um sentimento positivo ou evocam uma imagem de competência podem ajudar uma empresa a causar uma primeira impressão mais forte em clientes em potencial.

Pense na história por trás do Google, por exemplo, que é derivado do termo matemático googol (a soma do número dez elevado a potência de 100). Embora essa origem obscura possa parecer desanimadora, esse detalhe evoca o tipo de processamento de dados que tornou o Google a figura dominante na era do big data.

O Google é um ótimo exemplo de nome que permite que uma marca seja algo muito maior do que seus fundadores imaginaram. Afinal, ele ainda conseguiu transformar seu nome em um verbo – pesquisar no Google algo é um termo comum para o ato de pesquisar algo online, esteja o usuário realmente usando o Google ou não. Isso, por sua vez, fez com que a empresa dominasse 90% da participação de mercado dos mecanismos de pesquisa em todo o mundo.

  1. É uma fonte de orgulho

Como empreendedor, você estará investindo grande parte do seu tempo, dinheiro e esforço para tornar sua empresa bem-sucedida. É por isso que você deve encontrar um nome que possa apoiar e que represente a paixão e a energia que você dedicou à construção de um negócio lucrativo.

De fato, seu nome deve refletir os valores que fazem sua empresa se destacar, bem como a missão que sua empresa se propôs a alcançar. Deve representar por que você começou a empresa e deve incutir o mesmo sentimento tanto em quem trabalha para sua empresa quanto em quem compra bens e serviços de você.

Não tenha medo de pedir opiniões externas quando estiver pensando no nome de uma empresa. Seja confiante o suficiente para testá-lo em relação a outras ideias e ver como ele se encaixa entre outros players do seu setor. Certifique-se de encontrar um nome que você possa apoiar e fazer com que todos os outros também.

Por que mais é importante possuir um nome de empresa forte? Deixe-nos saber seus pensamentos e opiniões na seção de comentários abaixo!

E lembre-se, se você precisar de assessoria de Naming ou de uma empresa experiente em naming para criar o nome para o seu negócio, serviço ou produto, entre em contato com a Wyse. Nós podemos ajudar desde a estratégia de branding, posicionamento, naming, construção da sua marca online e offline seja com inbound marketing ou campanhas de marketing de performance.

Fontes / Referências

Argenti, P. & Forman J. (2002). The power of corporate communication. Crafting the voice and image of your business. New-York: McGraw-Hill.

Bergien, A. (2005). Global and regional considerations in the formation of company names. In Maria G. Arcamone, Davide De Camilli & Bruno Porcelli (Eds), Proceedings of the 22nd International Congress of Onomastic Sciences (pp. 289-298). Pisa: Onomastica e Societa.

Hauser, M. D. & Fitch, W. T. (2003). What are the uniquely human components of the language faculty? In M.H. Christiansen & S. Kirby (Eds), Language evolution (pp. 158-181). Oxford: Oxford University Press.

Sériot, P. (2013). La langue pense-t-elle pour nous? La Linguistique, 1 (49), 115-131. https://doi.org/10.3917/ling.491.0115

Sjoblom, P. (2007). Finnish company names; structure and function. In Ludger Kremer, Elke Ronneberger-Sibold (Eds), Names in commerce and industry: past and present (pp. 289-295). Berlin: Logos.

Sweetser E. (2017). Metaphor and metonymy in advertising: building viewpoint in multimodal multi-space blends. Journal of pragmatics, 122, 65-76.

sobre o autor

Marcos G. Figueira, PhD., MSc. e MBA

Sócio da Wyse e professor da Fundação Getúlio Vargas desde 2012 em cursos de MBA por todo o País.

O artigo é resultado de observações e experiências empíricas ao longo de 25 anos de prática profissional e baseadas em pesquisas e publicações em Journals acadêmicos de alto impacto, sempre Qualis 1 ou 2.

Em referências acadêmicas/bibliográficas por favor utilize: Figueira, Marcos G.

Link para esse artigo e melhore o seu SEO

Para melhorar o SEO do seu website é importante ter também links externos. Fique à vontade para referenciar e linkar para este artigo.